Há algum tempo, um termo estranho surgiu no comércio e nos canais de YouTube: o tal do score de crédito. Na maioria das vezes, ele surge nas nossas vidas quando precisamos de empréstimo ou financiamento, mas ele não é aprovado. Neste caso, nos falam que não temos o score bom. Mas o que significa esse score? O que ele tem a ver com o CPF? Temos essas respostas e ainda a mais importante de todas: como aumentar o score urgente!

 

Quais os passos para aumentar o score?

Seja na Serasa ou na Boa Vista, alguns pontos funcionam da mesma maneira. E, em relação ao score, há 4 pontos que comprovadamente ajudam a aumentar a pontuação.

 

1 – Tenha sempre o nome limpo

Se você tem alguma dívida no seu nome, saiba que ela bloqueia o crescimento da sua pontuação. O score indica quem tem chance de pagar as contas em dia. Se você tem uma em atraso, com certeza sua pontuação será baixa. Afinal, está claro que seu orçamento não está comportando seus gastos.

Com isso, a primeira medida é quitar suas dívidas. Não deixe o tempo passar. Procure o credor, a empresa para a qual você está devendo e negocie.

Uma boa comparação nesse caso é com uma roupa manchada. Se você tenta limpar a roupa logo após manchar, é mais fácil de limpar.

Mas se deixa passar o tempo, com a sujeira na roupa, fica mais difícil tirar toda a marca. Se você ficar com uma dívida muito tempo no seu nome, o efeito vai ser o mesmo. A sua pontuação vai ser mais afetada.

 

2 – Manter o cadastro atualizado ajuda aumentar o score

Conforme dito acima, manter o cadastro sempre atualizado nos birôs de crédito e nos bancos é fundamental. Isso ajuda a ter certeza de que você é você mesmo.

Além disso, os bancos e financeiras querem saber se vão conseguir entrar em contato com você caso aconteça algum problema.

 

3 – Tenha as contas sempre no seu nome

Essa deve ser a dica de ouro para quem quer aumentar o score depois de limpar o nome. Mas também serve para quem está com o nome limpo e quer melhorar as chances de conseguir crédito. Tenha contas no seu nome.

O ideal é ter contas de luz, água, gás, telefone fixo, conta corrente, cartão de crédito, financiamentos. Mas não se esqueça de que todas essas contas precisam estar com o pagamento em dia.

De nada adianta colocar a conta no seu nome, mas atrasar o pagamento.

Uma ajuda é utilizar o débito automático (para não se esquecer de pagar) ou DDA (Débito Direto Autorizado). Esse último é um tipo de cobrança em que o boleto é enviado diretamente para a sua conta.

Sem papel ou correspondência eletrônica, você recebe o aviso de cobrança direto no internet banking. Em muitos bancos, esse serviço é gratuito.

 

4 – Força do hábito

Além de confiança, o score também é um reflexo dos seus hábitos, costumes e rotina. Quando você decide que vai ter uma vida saudável, não basta fazer atividades físicas um dia e comer uma frutinha.

Mas, no fim de semana, pisa na jaca e come aquela sobremesa de chocolate triplo e dorme o dia todo. É preciso se exercitar várias vezes na semana e sempre ter refeições balanceadas.

Com o crédito é basicamente a mesma coisa. Não basta pagar uma conta em dia num mês e atrasar no seguinte. O hábito precisa se comprovar no dia a dia.

Mantendo a rotina e a prática de um bom pagador, isso vai ajudar a melhorar sua pontuação. Mas não se esqueça de ter uma dose de paciência, ok?

 

O que é Score de crédito?

A palavra “score” vem do inglês e significa pontuação. Ou seja ele é uma pontuação que demonstra a sua relação com crédito. Em geral, ele pode ir de 0 a 1.000. E quanto mais alto, melhor.

Um score alto indica que você tem pouca chance de deixar de pagar alguma conta nos próximos meses. Empresas como a Serasa e Boa Vista SCPC costumam apresentar para os consumidores o próprio score de forma gratuita.

 

Como funciona a pontuação do CPF?

A pontuação do CPF (Cadastro de Pessoa Física) ajuda as empresas a decidirem se emprestam ou não dinheiro para alguém. Ele é uma conta que utiliza informações públicas a seu respeito sobre como você lida com crédito. Entre os dados usados estão:

 

1 – Seu comportamento de pagamentos

Neste item, o mais importante é saber se você paga suas contas em dia ou não. Você tem alguma fatura atrasada? Esquece com frequência a data de vencimento das faturas?

Pois é, todas essas respostas demonstram o seu comportamento em relação aos pagamentos.

Claro que quanto mais certinho, melhor para sua pontuação. Isso quer dizer que manter uma boa rotina, com as contas sempre pagas no vencimento, ajuda a ter um bom score.

 

2 – Sua busca por crédito no mercado

Pedir empréstimo, crediário e cartão de crédito de forma exagerada, em muitos lugares ao mesmo tempo pode diminuir sua pontuação. Isso acontece porque o exagero passa a percepção de desespero.

Se você está buscando crédito desesperadamente, pode não conseguir pagar todas as contas.

O ideal é buscar crédito apenas quando você realmente precisa. E tomar muito cuidado para não pedir em vários lugares ao mesmo tempo.

Muitos sites dizem que buscam crédito em diversas empresas de uma vez. Mas, se cada uma delas fizer uma consulta no seu nome, seu score cai.

A dica é buscar em apenas um lugar por vez e esperar, pelo menos, um mês para pedir crédito novamente. Dessa forma, você deixa o tempo agir a seu favor.

 

3 – Suas informações cadastrais

Crédito está muito relacionado a confiança. Dá até para dizer que só existe um quando se tem o outro. Imagine se você emprestaria dinheiro ou outra coisa importante para você para alguém que você acha que não é confiável.

É bem provável que não faça isso, certo? As pessoas só emprestam itens importantes quando acreditam que vão receber o produto de volta.

Em relação ao crédito, é a mesma coisa. E ter informações iguais nos bancos e nos serviços de proteção ao crédito, como Serasa e Boavista, ajuda a ter mais confiança.

Por isso, é fundamental que as suas informações cadastrais estejam sempre atualizadas nesses bancos de dados.

Então mantenha sempre seu cadastro atualizado nesses serviços, para garantir que sua parte está feita.

 

Como aumentar o score rapidamente?

Agora é a hora da fórmula infalível e a resposta de R$ 1 milhão. Muito provavelmente você chegou até esse texto com o objetivo de aumentar seu score urgente. E seria lindo poder dizer que bastam três passinhos simples para sair de zero a mil.

Infelizmente, a dura realidade é que não existe milagre nem fórmula mágica. Se alguém disser que dá para aumentar o score de crédito rápido, pode desconfiar. Isso é mentira!

Mas não é por isso que aumentar o score se torna uma missão impossível. Se você quer saber como aumentar o score grátis para fazer um financiamento veicular, por exemplo, temos a saída.

 

Como consultar grátis a pontuação do score?

Tudo lindo, maravilhoso e compreendido. Você já sabe o que é e como aumentar, mas de nada adianta tudo isso se você não sabe qual é a sua pontuação do score, correto?

Então veja como consultar grátis o seu score no Serasa Consumidor e na Boa Vista SCPC.

 

Serasa Score

  1. Acesse serasaconsumidor.com.br
  2. Digite o seu CPF
  3. Caso seja cadastrado, informe seu CPF e senha.
  4. Se for a primeira visita, clique em CADASTRAR. Preencha os dados (CPF, Nome completo, Data de nascimento, e-mail e senha) e clique em “Declaro que li e aceito os Termos”.
  5. Pronto! Agora a pontuação do score está na sua tela. E você nem precisa pagar nada por isso.

Boa Vista SCPC

  1. Acesse o site consumidorpositivo.com.br
  2. Clique em “Consulte grátis seu CPF”
  3. Preencha o cadastro, caso não o tenha. Basta incluir um e-mail, criar uma senha, e informar o nome completo, CPF, data de nascimento e um celular. Depois clique em “Concordo com os termos de uso”.
  4. Se já se cadastrou alguma vez, é só informar o e-mail e senha.
  5. É isso! O Score aparece imediatamente para você.

Fácil, não é? Tanto em uma empresa quanto na outra, a consulta ao CPF e ao score é gratuita. Além disso, ela pode ser feitas quantas vezes você quiser.

 

Por que o Score da Serasa é diferente da Boa Vista?

Se você teve a curiosidade de consultar seu score nas duas empresas, deve ter visto uma diferença entre as pontuações de crédito. Certo? Se sim, não se preocupe. Isso é normal e acontece porque cada empresa tem as próprias métricas e pesos para avaliar os consumidores.

Lembre-se de que o score é uma fórmula estatística. Ele calcula as chances de cada pessoa pagar as contas em dia nos próximos meses. Então se a fórmula de uma empresa é diferente da outra, o resultado também poderá ser diferente.

O importante é que as duas pontuações estejam em faixas parecidas. Por exemplo de 700 e 800 pontos ou de 400 e 500.

 

O que é um score bom?

Um score bom é aquele que garante o crédito aprovado. Mas cada banco ou financeira tem as próprias regras para aprovar ou não um pedido de crédito. Um cartão de crédito, por exemplo, pode exigir um score acima de 500 pontos.

Já uma financeira especializada empréstimo pessoal para negativado pode aprovar até mesmo quem tem score perto de 300 pontos.

Claro que quanto mais alta a pontuação, mas fácil é de conseguir o crédito que você precisa. Então, se você não está conseguindo aprovação por causa do score, volte para a pergunta 4.

E veja o que é preciso fazer para aumentar a sua pontuação do score.

Uma outra forma de ver o que é um score bom é pelo risco de atraso no pagamento das contas. Quem tem score abaixo de 300, tem alto risco. Por isso, é mais difícil conseguir crédito.

De 300 a 700, o risco é médio. Já acima disso, é bem baixo. Por ter risco menor, esse consumidor tem mais chances de pagar em dia, ou seja, tem mais confiança.

 

De quanto em quanto tempo o score é atualizado?

No caso da Serasa, o score é dinâmico e atualizado sempre que você faz a sua consulta. Já o da Boa Vista SCPC é atualizado diariamente. De qualquer forma, os dois podem mudar assim que tiver alterações no seu CPF, como dívidas.

 

O que é verdade e o que é mito sobre o score?

Como quase tudo na vida, o score também sofre muito com mitos divulgados nas redes sociais. Para acabar com essas informações erradas, vamos deixar alguns pontos muito claros.

CPF na nota fiscal pode aumentar o score?

Só rico tem score alto?

Bobagem! O score não leva em conta a renda de ninguém. Tem muito rico com score baixo e muitas pessoas de pouca renda que pagam as contas em dia e têm a pontuação boa.

Tudo depende de como cada um cuida do próprio nome e mantém a pontualidade das contas.

 

O score sobe imediatamente após pagar minha dívida?

O apressado come cru, já diria minha avó. Não é bem assim. Depois que você paga suas dívidas, demora 5 dias úteis para a empresa avisar a Serasa ou Boa Vista SCPC.

Após esse prazo, essas empresas têm 1 dia para dar baixa no seu nome. Então não é tão imediatamente assim.

 

Só o lado negativo é avaliado pelo score?

Na-na-ni-na-não. Com o Cadastro Positivo, todo mundo pode ser avaliado de forma mais justa. Tanto pelo lado das eventuais dívidas como pelo lado das contas pagas em dia.

Mas claro, isso só adianta se você tiver contas no seu CPF. Não significa nada pagar tudo certinho, só que a conta de luz está no nome de outra pessoa.

 

Todo meu histórico financeiro é levado em conta para aumentar o score?

Também é fake news. O Código de Defesa do Consumidor só permite que os dados dos últimos 5 anos estejam na fórmula estatística do score. Ou seja as dívidas prescritas não fazem parte do cálculo.

 

Dívida caduca faz o score cair?

Como dito acima, as dívidas prescritas ou caducas (aquelas de mais de 5 anos) não afetam o score. Mas é preciso deixar claro que as dívidas não deixam de existir.

Elas só não aparecem nos bancos de dados da Serasa e Boa Vista SCPC. No entanto, o credor pode continuar a cobrar para sempre.

 

Só consigo empréstimo se aumentar o score?

Esse é um mito frequente. Existem várias empresas que oferecem empréstimo para negativados, ou seja pessoas com score baixo. Mas se você estiver nessa situação, fique atento para as taxas de juros.

Em geral, empresas que oferecem crédito para negativado cobram taxas de juros altas. A sugestão é que você aumente o seu score antes de procurar empréstimo.

Outro ponto é que os birôs de crédito não interferem na aprovação de crédito dos bancos e financeiras. Cada um deles tem as próprias regras na análise de crédito e decide se concede ou não o empréstimo.

Além disso, as instituições financeiras podem usar outros critérios – além do score – para tomar essa decisão.

Com todas essas informações, fica mais fácil aumentar o score – ainda que não seja tão rápido quanto o desejado.

 

FAQ

Quanto de score é bom?

A pontuação vai de zero a 1.000 pontos: até 300 pontos há alto risco de inadimplência; médio risco entre 300 e 700 e baixo.

Qual pontuação de score para fazer financiamento?

Não existe uma pontuação específica de score de crédito que garanta a sua aprovação

Quando limpa o nome o score aumenta?

Não! Então o quanto antes você quitar as suas dívidas e limpar o seu nome, melhor para a sua pontuação.